05 November 2013

UNO #14: a saúde e a educação do amanhã

O modelo do Estado de Bem-estar nascido depois da Segunda Guerra Mundial foi posto em questão na Europa após a chegada da Grande Recessão.

A percepção de que a saúde e a educação são direitos de acesso universal e gratuito já não está tão clara na mente dos cidadãos que, embora contribuam para pagar sua respectiva parte através do sistema tributário, veem perigar esses serviços básicos como a educação, a saúde ou, inclusive, o sistema previdenciário.

Os países da América Latina, por sua vez, por causa do ciclo virtuoso da economia que desfrutaram na última década, do crescimento das classes médias, da redução da pobreza e do desenvolvimento de políticas para melhorar os serviços sociais, buscam ansiosamente uma aproximação do modelo de “Estado do Bem-estar”, que está em crise agora na Europa.

Neste novo número, a UNO#14 apresenta o debate sobre qual será o futuro das prestações sociais desses direitos considerados, até agora, como direitos universais na Europa e se são acessíveis e como na América Latina.

Nós lhe convidamos para a leitura da UNO # 14.

Jorge Cachinero, Diretor Corporativo de Reputação e Inovação da LLORENTE & CUENCA

Artigos Relacionados

Este sitio web utiliza cookies, tanto propias como de terceros, para recopilar información estadística sobre su navegación. Si continúa navegando, consideramos que acepta su uso.

ACEPTAR
Aviso de cookies