14 January 2015

A aproximação entre eua e cuba e suas implicações para a América Latina

A decisão, por parte dos Estados Unidos e Cuba, de retomar as relações diplomáticas tem diferentes implicações que sem dúvida dão a este acontecimento um caráter histórico e transcendental. Desta forma se abre um período que, embora cheio de incerteza, terá grandes repercussões não só na ilha caribenha, mas também no resto da região latino-americana.

A proposta é contemplar a realidade com a complexidade de todos os possíveis fatores que podem intervir neste processo de mudança. O mais definitivo é a vontade dos próprios cubanos. Por sua vez, não se pode entender a normalização das relações diplomáticas entre Cuba e Estados Unidos sem a pressão exercida pela América Latina de maneira arrumada.

Este relatório aborda as principais características e causas que levaram ao restabelecimento das relações diplomáticas entre os dois países e sua possível influência na América Latina.

Jorge Cachinero, Diretor Corporativo de Inovação da LLORENTE & CUENCA

ESPAÑOL
ENGLISH
PORTUGUÊS
PORTUGUÊS-BRASIL

Artigos Relacionados

Este sitio web utiliza cookies, tanto propias como de terceros, para recopilar información estadística sobre su navegación. Si continúa navegando, consideramos que acepta su uso.

ACEPTAR
Aviso de cookies